Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


grub_customizer

GRUB Customizer

GRUB Customizer é um boot loader, aplicativo com o qual você pode personalizar seu menu de entrada, quando for dual-boot ou mais. O GRUB Customizer permite ao usuário adicionar, remover, congelar, renomear e reordenar os itens do menu de inicialização. Permitirá também mudanças de configuração para o Grub2, como imagem de fundo e menu de “timeout”. Para os usuários de longa data familiarizado com StartUp-Manager, este aplicativo executa muitas das mesmas capacidades, com opções adicionais.

Para quem quer dar uma incrementada no visual do GRUB, só achou o BURG para fazer isso, mas o achou complicado demais ou não conseguiu instalá-lo corretamente, o GRUB Customizer é uma boa alternativa.

Instalação

Pelo terminal, adicione o PPA pelo comando:

  sudo add-apt-repository ppa:danielrichter2007/grub-customizer

Depois, ainda no terminal, dê o comando:

  sudo apt-get update && sudo apt-get install grub-customizer

Concluída a instalação, o Grub Customizer pode ser encontrado em: Aplicativos ⇒ Ferramentas do Sistema ⇒ Grub Customizer.

Interface e Recursos

Quando se abre o GRUB Customizer, é apresentada a sua janela com a lista de entradas que o seu Grub2 tem atualmente. Poderá imediatamente alterar opções. No entanto, elas só terão efeito depois de efetivamente as aplicar, ou seja, depois de clicar no botão “Salvar”.

Cada entrada apresentada na janela tem associada um visto, que identifica como ativa ou não, ou seja, como visível ou não. Assim, para esconder (remover) alguma entrada, basta tirar o visto dela.

Além de poder remover linhas do Grub2, esta aplicação ainda permite modificar a ordem delas. No casos em que se usa o Linux em dual boot com o Windows, por exemplo, possibilita a escolha do sistema operacional que carregará automaticamente por padrão. Para alterar a ordem, basta selecionar a linha que quer mover e clicar nos botões que têm setas.

Quanto à escolha do sistema operacional padrão, esta aplicação também tem uma série de opções muito importantes que devem ser mensionadas. Ao clicar no botão “Preferências”, aparece uma janela com mais um conjunto de opções, mostrada na imagem acima. Entre as várias opções, existe uma chamada “Entrada Padrão”. Nesta parte, o usuário pode escolher uma opção entre dois conjuntos. Estes dois conjuntos têm algumas particularidades importantes:

  • Se escolher uma opção do lado esquerdo, em que é uma escolha por posição, então o Grub2 irá sempre selecionar a opção que tiver naquele lugar em definitivo, o que significa que, se a lista mudar (por exemplo com uma atualização do Kernel do Linux), é provável que essa entrada faça o Grub2 arrancar com algo diferente do normal. Por isso, esta opção é importante para quando se tem o Linux em primeiro lugar, em que se escolha a opção “Entrada 1 (por posição)” e, assim, sempre que atualizar algum kernel, o Grub2 escolhe sempre esse atualizado. Já pelo contrário, se prefere escolher como padrão o Windows, é preferível utilizar a opção do outro conjunto;
  • O segundo conjunto de opções, as do lado direito, serve para escolher um sistema operacional em definitivo. Assim, mesmo que haja alteração da lista do Grub2, a escolha é sempre a mesma. É então indicada quando se quer ter o Windows como opção padrão e não é indicado escolher uma destas opções quando se tem o Linux como opção padrão, pois, se houver alguma atualização do Kernel, vai arrancar com uma opção desatualizada (a que escolheu e não a que foi instalada posteriormente).

Por fim, o GRUB Customizer ainda apresenta outras opções para personalização do GRUB: alterar a resolução, mudar as cores do menu e colocar uma imagem de fundo.

Referências

grub_customizer.txt · Última modificação: 2012/04/14 02:54 (edição externa)